F R A S E

SÃO OS COMUNISTAS OS QUE PENSAM COMO OS CRISTÃOS” - Papa Francisco

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Alguns obrigados pré-eleição*

Nesta derradeira crônica antes do 2º turno das eleições, alguns agradecimentos, pondo-me nela, doravante, como se até então fosse um eleitor indeciso, ou mesmo um outroque pensara em votar em Aécio.

Assim, agradeço, em primeiríssimo lugar, à notícia, irrefutada, de que o candidato esmurrou sua acompanhante numa festa em famoso hotel, no Rio. Agradeço, pois, aojornalista Juca Kfouri, que não titubeou em postá-la em seu blog, ao jornal Hora do Povo e, claro, aos blogs, sítios e redes sociais que a repercutiram. Afinal, sabedor dodantesco fato e seus prescindíveis detalhescomo votar no cabra para presidente de meu país? E depois? Como mirar-me no espelho. E à minha noiva, minhas filhas, minha mãe? O que lhes diria? Como olharia em seus olhos?

Quero agradecer, também, pelos apoios pra lá de sintomáticos que o candidato recebeu dos prs. Everaldo, Silas Malafaia e Marcos Feliciano (o triunvirato da ignorância)dohomofóbico declarado Levi Fidelix, do deputado de ultra-direita Jair Bolsanaro, do ator pornô Alexandre Frota e também do irascível (e também adepto da porrada em mulher)ator Dado Dolabela, entre outros. A identificação desse pessoal com o candidatoajudou-me, por demais, a conhecê-lo.

Agradecer ao próprio Aécio pela célere indicação de seu ministro da economia, Armínio Fraga, que, sem escamotear, disse que o salário mínimo está alto demais, que há bancos públicos demais, e gastos sociais demais, dando o tom do que faria num eventual futuro governoTambém recordei quando ministro do governo FHC: juros a 45%, arrochosalarial, desemprego e inflação alta.

Agradecê-lo, muito, por sempre atribuir a FHC a paternidade do Real, deslavadainverdade e terrível injustiça com o falecido ex-presidente Itamar Franco. Nessa seara,agradecer pelo turbilhão surpreendente de mentiras desferidas nos debates, todas desmascaradas, inclusive pelo insuspeito jornal O Globo.

Agradecer, ainda, por sua atitude vil e repugnante quando sua adversária, uma mulher,sexagenária e que há pouco tempo enfrentara um câncer, teve um mal súbito ao final de um dos debates. Agradecerfinalmente, pelo sorriso irônico, cínico e de desprezo queostenta para as câmeras antes de fingir que irá responder ao que lhe fora objetiva e seriamente questionado por Dilma, com o naufragado intuito de humilhá-la e desqualificar o seu discurso.

Tirou-me uma chateação das costas, candidato. Agora, já sei que em você não voto. Nem que a vaca tussa!

*Tb pub. no jornal GAZETA DE ALAGOAS e nos sítios Pragmatismo Político e PCdoB/AL. 

2 comentários:

Lu disse...


Foi muito bom vc ter lembrando as pessoas sem memoria que FHC não é pai coisa nenhuma do REAL. Parabéns por suas palavras.

André Falcão de Melo disse...

Valeu, Lu! Tamo junto!