F R A S E

SÃO OS COMUNISTAS OS QUE PENSAM COMO OS CRISTÃOS” - Papa Francisco

segunda-feira, 20 de abril de 2015

Todos juntos pela T.A.G.I.!

*Tb publ. no jornal GAZETA DE ALAGOAS e nos sítios PRAGMATISMO POLÍTICO e PCdoB/AL

Sei... A terceirização já hoje é possível. Mas atente: só para atividades-meio. Um banco, por exemplo, não pode contratar caixas via empresa terceirizada, porque atividade-fim; pode para serviços gerais e vigilância, por exemplo.

Portanto, temos que garantir o direito também a contratar terceirizados para atividades-fim. Menores salários com menos direitos, donde todo o apoio à PL 4330! Ou você não quer ter mais lucros?

Sei... Você, grande empresário pessimista deve estar se perguntando como a terceirização pode passar no Congresso se a imensamente maior parte da sociedade é constituída de trabalhadores. Sabe de nada, inocente!

Ora, em primeiro lugar, temos hoje o Congresso ideal para aprová-la. Explico: graças ao nosso sistema político-eleitoral, é felizmente o poder econômico quem manda. Assim, nossos parlamentares são dos mais conservadores dos últimos tempos, bancadas ruralista e do grande empresariado à frente. Basta ver quem é o presidente da Câmara!

Em segundo lugar, temos os grandes grupos midiáticos a nosso favor, que como seria de se esperar estão usando todos os artifícios para convencer seu incauto público de que a terceirização é boa para o trabalhador, como o de que ela regulamenta a situação dos explorados (kkkkkk – perdoem-me, gargalhei). E ainda botam uns pelegos pra apoiar, tipo aquele Paulinho-Cara-de-Pau. Os caras são bons, mesmo! A gente até imagina a classe média repercutindo o discurso que lhe fora emprenhado pelos olhos e ouvidos... E quando lhes é informado que PT, PCdoB e PSOL são contra, pode comemorar! Batata! Oh, povinho fácil de enrolar... Ai, ai... (rindo, ainda).

horia.com.br
Em terceiro lugar, com os queridos grandes grupos midiáticos à frente, nossos verdadeiros partidos de oposição!, temos a cobertura maciça, e seletiva!, da corrupção, protegida e nutrida pela deusa tucana da justiça. Tudo minúsculo, tudo ao nosso lado! Ou você não vê que a turma toda entrou na onda e engoliu o discurso deles, com ódio até? Palmas! Fora, anticorruPTos! A propósito, já pegou o seu adesivo?


Portanto, amigo empresário do ramo da tucanagem, é hora de arregaçar de novo as mangas customizadas e brandir as panelas gourmet e ir pra rua! Que tal, ao invés de MBL, criarmos o MBLTAGI? Emebeletagi! É sonoro! Movimento Brasil Livre e pela Terceirização Ampla, Geral e Irrestrita?! A gente pode até pegar a música do Vandré e dar uma de povão: quem sabe faz a hora, não espera acontecer... tra-la-lá... Hein? Hein? Simbora!
www.contextolivre.com.br

Nenhum comentário: